Buscar
  • pedrohenrique993

Complicou! Capivariano bate Flamengo Guarulhos pelo Sub-20 - Por Pedruvisk

Leão vence o Corvo por 3 a 1 no estádio Antônio Soares de Oliveira, se consolida no grupo e vê sua qualificação para a próxima fase cada vez mais perto; Para o Flamengo Guarulhos, resta vencer os últimos três jogos para se qualificar.

(Foto/Reprodução: Lolê Arts/Facebook).


Bem-vindos, sócios cooperados e amantes do Corvo! Na análise de hoje, falaremos sobre a terceira partida do Flamengo Guarulhos na segunda fase do Campeonato Paulista Sub-20 de 2021, que, infelizmente, terminou mais uma vez com um revés para a equipe rubro-negra, que até o presente momento, não soma nenhum ponto, tornando-se dependente de uma pequena chance matemática para se qualificar. Sem mais delongas, #BoraDeAnálise.


PRIMEIRO TEMPO

(Foto/Reprodução: Lolê Arts/Facebook).


Sob um dia acinzentado na cidade guarulhense, Flamengo Guarulhos e Capivariano fizeram uma partida muito pegada, criando grandes chances de ambos os lados, trazendo um equilíbrio durante toda a etapa inicial.

(Foto/Reprodução: Lolê Arts/Facebook).


O Capivariano aproveitou algumas falhas defensivas para chegar com muito perigo ao gol do goleiro rubro-negro, Thiago, que milagrosamente defendeu todas com muita maestria. Ainda que começasse a chover na cidade de Guarulhos, o Corvo não hesitou e chutou uma bola na rede do lado de fora, mas, o primeiro tempo terminou do jeito que começou: 0 a 0 no placar.

(Foto/Reprodução: Lolê Arts/Facebook).


SEGUNDO TEMPO

(Foto/Reprodução: Lolê Arts/Facebook).


O Corvo começou a dominar as ações na etapa complementar, sabendo-se que o São Paulo FC estava sofrendo mais um revés, a chance do rubro-negro de pontuar e encostar nos líderes era a melhor possível. Porém, o goleiro Douglas, da equipe do Leão, defendeu-as solidamente e como dizem o velho ditado, quem não faz, toma. Aos 63 minutos, o camisa 18 do Capivariano, Heitor, marcou o primeiro gol da partida e o primeiro gol da equipe de Capivari. Era o pior cenário possível para o Flamengo Guarulhos naquele momento.

(Foto/Reprodução: Lolê Arts/Facebook).


A equipe do Jardim Tranquilidade reagiu rapidamente, que, após uma bela cobrança de escanteio, JP, camisa 6 do Capivariano, cabeceou contra a sua própria meta, empatando a partida no Ninho do Corvo. Agora, o jogo estava equilibrado novamente, com o Flamengo Guarulhos criando as melhores chances de gol, até que.... aos 86 minutos, Carlos, camisa 10 do Leão, fez o segundo gol para o Capivariano, praticamente sacramentando a vitória do Capi. Abalados, a defesa flamenguista viu Raíque, camisa 13, costurar e passar tranquilamente pelos defensores da equipe do Jardim Tranquilidade, acertando um belo chute que estufou as redes do goleiro Thiago, que, assim terminou. 3 a 1 para o Capivariano, terceira derrota consecutiva do Corvo na competição e zero pontos marcados até aqui. Para se qualificar, é necessário vencer os próximos 3 jogos e torcer por uma combinação de resultados em todas as rodadas restantes. A situação se tornou muito complicada ao ponto de que, se não vencer o Leão da Sorocabana na próxima semana, a eliminação rubro-negra estará confirmada.

(Foto/Reprodução: Lolê Arts/Facebook).


CLASSIFICAÇÃO ATUALIZADA

(Imagem/Reprodução: Cooperativa Cicom & Pedruvisk/@cooperativacicom & @pedruvisk).


PAULISTÃO SUB-20 2021, GRUPO 15 - 3º RODADA, RESULTADOS:

XV de Piracicaba 2x1 São Paulo FC Flamengo Guarulhos 1x3 Capivariano


CRAQUE DO JOGO CICOM

O prêmio de CRAQUE DO JOGO CICOM da partida de Flamengo Guarulhos e Capivariano vai para o camisa 1 do Corvo, Thiago. Thiago fez defesas importantes para que o Flamengo Guarulhos não perdesse por uma vantagem larga. Parabéns, Thiago!


Notas do Jogadores - AA Flamengo Guarulhos (AAF)

1- Thiago (GOL) (8,5)

2- Rafinha (6,0)

3- Mega (5,0)

4- Anthony (4,5)

5- Sami (6,5)

6- Arthur (5,0)

7- Fernando ⬇️ (7,0)

8- Passari (7,0)

9- Vinicius Caveira ⬇️ (7,5)

10- Ronald (6,5)

11- Vitinho (7,0)


Reservas:

12- Kennedy (GOL) ( - )

13- Edinei ( - )

14- Aquino ( - )

15- Michael Douglas ( - )

16- Luis Otávio ⬆️ (5,0)

17- Yago ( - )

18- Lukaku ⬆️ (5,0)

Técnico: Raphael Laruccia (5,5)

Nota Geral (AAF): (6,0)


Notas do Jogadores - Capivariano Futebol Clube (CAP)

1- Douglas (GOL) (9,0)

2- Eduardo ⬇️ (7,5)

3- Jose Ricardo (8,0)

4- Carlos Henrique (8,0)

5- Rodrigo (8,5)

6- JP (6,5)

7- Alessandro ⬇️ (7,0)

8- Caio ⬇️ (7,5)

9- Italo ⬇️ (6,5)

10- Carlos Eduardo ⚽ (8,0)

11- Luiz Felipe ⬇️ (6,5)


Reservas:

12- Sandro (GOL) ( - ) 13- Raique ⬆️⚽ (8,5) 14- Matheus ⬆️ (7,0) 15- Carlos ( - )

16- Pedro Henrique ⬆️ (6,5) 17- Vinicius ⬆️ (7,0) 18- Heitor ⬆️⚽ (9,0)


Técnico: Jardel Bresolin Zamberlan (8,0)

Nota Geral (CAP): (7,5)


Notas - Arbitragem:

Árbitro: Paulo Santiago de Medeiros (4,0)

Árbitro Assistente 1: Wellington Bragantim Caetano (5,5)

Árbitro Assistente 2: Thiago Gonçalves Dias (5,0)

Quarto Árbitro: Everton Araújo de Oliveira (6,0)

Nota Geral (Arbitragem): (5,5)


Cartões Amarelos (Advertências):

1°T - 29 minutos: 2 - Eduardo (CAP) - Motivo: Ação Temerária.


1°T - 40 minutos: 6 – JP (CAP) - Motivo: Ação Temerária.


1°T - 42 minutos: 7 – Fernando (AAF) - Motivo: Por uso indevido das mãos atingindo seu adversário de forma temerária na disputa de bola.


2°T - 63 minutos: Téc - Jardel Bresolin Zamberlan (CAP) - Motivo: Por após a não marcação de uma possível falta a favor de sua equipe, o mesmo reclamou acintosamente com gestos e esmurrar o chão, contra a decisão da arbitragem.


2°T - 86 minutos: 10 – Carlos (CAP) - Motivo: Infração na comemoração de gol.


Cartões Vermelhos (Expulsões):

2ºT - 60 minutos: Preparador Físico - Marcelo Vitor Froeder Chrispiniano (AAF) - Motivo: Por após mandar repetir um tiro de canto a favor de sua equipe o mesmo disse palavras ofensivas a equipe de arbitragem.


Lesões:

Não houve lesões relatadas na súmula.


Estatísticas:

Gol (AAF): 65' - JP (GC) (6).

Gols (CAP): 63' - Heitor (18); 86' - Carlos (10); 89' - Raíque (13).

Faltas (AAF): 23 faltas.

Faltas (CAP): 20 faltas.

Total de faltas: 43 faltas.

Tempo de bola rolando no 1°T: 31 minutos.

Tempo de bola rolando no 2°T: 29 minutos.

Tempo total de bola rolando na partida: 60 minutos.

(Foto/Reprodução: Lolê Arts/Facebook).


Sobre a CICOM

A CICOM é umas das cooperativas que atuam no estado de São Paulo promovendo o acesso social às habitações. O processo começa com a identificação de um terreno adequado a um projeto habitacional. Na sequência, inicia-se a abertura de cadastramento para que pessoas interessadas se unam com o objetivo de fazer as aquisições dos imóveis. Os cooperados acompanham todas as etapas envolvidas desde o início. Após este processo é desenvolvido o projeto de engenharia e, então, a cooperativa se encarrega de realizar arrecadações entre seus cooperados ou ainda, de buscar crédito e então contratar uma empresa construtora para executar as obras. A cooperativa dispõe hoje de diversos dispositivos de segurança que garantem a confiabilidade no processo, extinguindo mitos e conceitos que antes colocavam em dúvida os investimentos.


Coluna escrita por Pedro Piquetti “Pedruvisk” – Comentarista esportivo e amante do futebol em geral desde 2000.


7 visualizações0 comentário